Agricultura familiar do Sertão do São Francisco recebe R$ 2,7 milhões em investimentos - CAR

Agricultura familiar do Sertão do São Francisco recebe R$ 2,7 milhões em investimentos

07/07/2017

Governado_do_Estado_Anuncia_investimentos_na_Agricultura_Familiar_em_Casa_Nova-14

Com o objetivo de fortalecer a mecanização rural, dinamizar a inclusão produtiva e potencializar a força da agricultura familiar, o governador Rui Costa visitou, nesta sexta-feira (07), o município de Casa Nova, Território Sertão do São Francisco, e anunciou um conjunto de investimentos que somam um valor de 2,7 milhões, destinados ao desenvolvimento rural baiano.

Representando o secretário de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues, o chefe de gabinete SDR, Jeandro Ribeiro, acompanhou a agenda e pontuou que “hoje Casa Nova recebeu três grandes entregas: os dez tratores que beneficiarão prefeituras e associações de agricultores familiares, ação que nós estamos chamando de Projeto Estadual de Mecanização Rural (Promer), e assinaturas de convênios do Bahia Produtiva e Pró-Semiárido, que são dois projetos estratégicos e estruturantes para o desenvolvimento rural do estado, com inclusão socioprodutiva, geração de emprego e renda para os agricultores familiares”.

Os dez tratores, com implementos agrícolas, foram entregues para agricultores das cidades de Casa Nova, Pilão Arcado, Sento Sé, Jaguarari, Campo Alegre de Lourdes, Canudos e Remanso, num investimento total de R$ 944.314,90, resultado de emendas parlamentares. ”Receber um trator desses é uma alegria muito grande para mim e toda a associação. Vamos deixar de desenvolver um trabalho braçal na enxada e isso melhorar muito para nosso trabalho”, celebrou Ronaldo de Souza, presidente da Associação de Agricultores e Agricultoras Familiares de Vereda da Prensa, de Remanso.

O governador Rui Costa também autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) celebrar convênios do projeto Bahia Produtiva, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação e Regional (CAR), nas áreas de Apicultura e Caprinovinocultura, com investimento de R$ 906.7 mil, beneficiando 150 famílias.

O presidente da Associação de Agricultores dos Moradores de Salina da Brinca, Luiz Antônio Santos, relata que com a assinatura do convênio a produção de mel vai melhorar. ” Nossa produção anual hoje é 20 toneladas de mel, com o investimento do Bahia Produtiva vai ser possível a gente triplicar a produção, aumentar a comercialização, a geração de emprego e renda”, planeja.

Governado_do_Estado_Anuncia_investimentos_na_Agricultura_Familiar_em_Casa_Nova-5

 

Pró-Semiárido
Ainda em Casa Nova, o governador autorizou a SDR/CAR a celebrar quatro convênios do projeto Pró-Semiárido, com associações de produtores rurais do município, no valor de R$ 812.8 mil, que serão aplicados em projetos produtivos, beneficiando 389 famílias.

A presidente da Associação de Pequenos Produtores Rurais do Sítio do Socorro, Maria dos Santos Cruz, afirmou que a assinatura do convênio do Pró-Semiárido ” vai ajudar na produção, na assistência técnica e extensão rural (ATER), e na geração de emprego, principalmente para que os jovens não saiam do campo. Já o presidente da Associação dos Pequenos Produtores de Riacho Grande, José Wilson, enfatizou que “onde há investimento tem mudança”, indicando que os recursos ajudarão o potencial produtivo das comunidades atendidas pelo projeto.

O governador realizou a entrega simbólica do Certificado de Cadastro Ambiental Rural (CAR) de número 100 mil, representando todos os cadastros de propriedades rurais já realizados no estado. Na região, serão entregues 3.566 cadastros rurais, para os produtores de Casa Nova, Sobradinho e Uauá.

 

Governado_do_Estado_Anuncia_investimentos_na_Agricultura_Familiar_em_Casa_Nova-10

Homenagem

Casa Nova é o município baiano com maior número de adesões ao Programa Garantia-Safra. O prefeito da cidade e os agricultores familiares, homenagearam o governador Rui Costa com uma placa de agradecimento, pelo pagamento da cota de 50% do aporte municipal e 50% da contribuição do agricultor.

Ao se inscrever no Garantia-Safra o agricultor ou agricultora paga sua contribuição, que seria de R$ 17,00. Como o Governo do Estado arca com a metade, cada agricultor (a) pagará apenas R$ 8,50. A Bahia é o único estado do país que, além de pagar a sua parte, assume 50% dos valores devidos pelos agricultores familiares e pelas prefeituras. Uma ação praticada pelo governo estadual desde 2009.

Enviar notícia para amigo

PROJETOS

  • 120x90
  • logo120x90-01
  • agua para todos

MULTIMÍDIA

  • VÍDEOS
  • ÁUDIOS
  • FOTOS
  • MATERIA MARCIONILIO SOUZA 060416 JS 0329 [Download]

  •