Pular para o conteúdo principal

Governo do Estado e FAO trocam experiências sobre sustentabilidade dos sistemas alimentares

Teve início, nesta na quarta-feira (30), em Salvador, o evento “Políticas de Inovação Social, Agenda Urbana e o papel do consumidor na sustentabilidade dos Sistemas Alimentares da América Latina e Caribe”. 

Realizado pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) e pela universidade de Nottingham da Inglaterra, a atividade conta com o apoio do Governo da Bahia, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), no âmbito do projeto Bahia Produtiva. 

O objetivo é compartilhar informações e experiências e estabelecer uma agenda de trabalho regional com ênfase na promoção de ações na Bolívia, Equador, Peru e Costa Rica. O evento também tem como finalidade promover experiências de gerenciamento de informações e dados para a tomada de decisões com base em evidências, como é o caso do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde no Brasil (Cidacs).

A programação conta com discussões sobre experiências de inovação em políticas sociais, que promovam o abastecimento urbano e rural de alimentos que geram alternativas e acesso a alimentos saudáveis, análise e discussão da situação atual do sistema alimentar, além da geração de propostas de melhoria que permitam uma agenda de trabalho e evidências regionais. 

O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, apresentou o panorama das ações que vêm sendo realizadas nos últimos anos, para atender a demandas das comunidades rurais da Bahia, a exemplo do Bahia Produtiva: “Exemplo prático de um projeto, que a partir da geração de alianças produtivas pretende vincular a participação de agricultores familiares com as compras públicas e privadas e os mercados locais”.

O Bahia Produtiva, executado pela CAR/SDR, a partir de acordo de empréstimo com o Banco Mundial, possui 961 projetos que visam ao desenvolvimento de comunidades rurais, com um volume de investimento da ordem de 312,7 milhões, beneficiando 35.385 famílias nos 27 Territórios de Identidade da Bahia. 

Segundo o assessor especial do Bahia Produtiva, Ivan Fontes, a SDR e a CAR vêm ampliando o diálogo e a parceria com organismos internacionais sobre sistemas alimentares, segurança alimentar e o importante papel da agricultura familiar na produção de alimentos sustentáveis: “A Bahia vem mantendo um processo consistente de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento rural e fortalecimento da agricultura familiar, trazendo resultados importantes na produção de alimentos".